Translate

venerdì, marzo 31, 2006

Laranja Vermelha

Aqui na Sicìlia, existe uma espècie de laranja que tem uma coloraçao vermelha, sò na polpa a casca è igual a larenja comum. Estas laranjas crescem em regiao vulcanica, Etna. A lava deixa o solo muito fertil e a laranja sofre uma mutaçao adquirindo esta cor saguinolenta! Alèm de muito doce a laranja è rica em vitamina C, ela tem em mèdia 12% mais quea laranja comum. Aqui na Sicìlia eles a chamam de Arancia Rossa, Tarocco Moro Sanguinollo ou Tarocco Rosso (depende da quantidade de pigmentaçao avermelhada). Nòs sempre compramos o suco proto desta laranja, mas desta vez, compramos a laranja e fiz um suco natural. Como no saco vieram umas laranjas normais junto às outras, tive a ideia de bater uma foto, mostrando bem a diferença entre elas. Entao resolvi fazer uma postagem e assim compartilho com vcs um pouco desta curiosa e tìpica delìcia Siciliana. Ah o fotografo foi o Henrique.




Ps.: Pelo que estive pesquisando, a laranja vermelha è originaria da China e cresce no Mediterraneo, mais precisamente na Italia, Espanha e Turquia.

lunedì, marzo 27, 2006

Pandorga!


Neste domingo o dia amanheceu lindo! Resolvemos descer ao parque, antes do almoço, para brincar um pouco com os guris e sair de dentro do apartamento. Um pouco antes de sair fiacamos sabendo que o horàrio havia mudado (começou o horario de verao), aumentou uma hora. O parque estava cheio, pais e filhos, avòs e netos, casais de namorados, todos aproveitando o lindo domingo para estarem juntos. Como tinha muito vento, o que mais tinha era gente soltando Pipa (em Araranguà se diz Pandorga,em algumas regioes è conhecida como Papagaio e aqui na Itàlia se chama Acquilone). Nossa intençao nao era essa, pois levamos a bola para jogar, mas resolvemos entrar na brincadeira. O Henrique ficou facinado com as pipas, entao compramos uma para ele. O Andrei tentou, mas como nunca havia empinado uma pipa em sua vida, trocamos de posto, eu fui ajudar o Henrique e ele foi cuidar do Joao Pedro.

Quando eu era garota, brincava muito de empinar pipa, meu avo paterno nos ajudava a fazer as pipas e a empina-las, como ele nao teve netos homens, teve de ensinar essas coisas pras meninas mesmo hehehe. Nòs brincavamos e nos divertiamos muito no verao do Arroio do Silva. Mas eu nao imajinava que ainda sabia fazer uma pipa voar, e nao è que ainda sei! E foi muito fàcil pois tinha bastate vento, para meu espanto, sei empinar pipa muito bem (sem malìcias por favor) e na primeira tentativa a fiz voar. Tava cheio de marmanjo se enrolando nos fios, tentando fazer a pipa voar e nada. Ensinei o Henrique e ele aprendeu ràpidinho, logo estava fazendo a pipa dele voar. Me diverti muito, voltei a infancia, agora sei que meu avo (seu Lindomar) foi um bom professor de pipas, e eu pude ensinar para o meu filho heheheh. Pode parecer insignificante, mas è o tipo de integraçao entre pais e filhos que nao existe mais hoje, uma pena pois sao muito importantes....espero poder fazer mais destas com meus filhos!















O JP tambèm se divertiu basante e deu uma canseira no Andrei que teve de correr atraz dele por todo o parque....hehehehe
Foi um belo primeiro domingo de primavera!

giovedì, marzo 23, 2006

Etna Norte e Catania....!


Voltamos a subir a montanha do Etna, desta vez rumo ao lado norte. O caminho è muito mais agradavèl que o sul, pois como a lava desce mais pelo lado sul, o norte è mais arborizado.
A paisagem è muito parecida com bosques Canadenses (nao que eu os conheça rs), com àrvores altas e folhas coloridas. No caminho, antes de chegarmos na parte nevada, encontramos varias pessoas fazendo um "churrasco"(acho que "grelhado" fica melhor) debaixo das àrvores, parecia ser muito agradàvel, no verao deve encher de gente. Legal para fazer um piquenique. Um pouco mais acima, a neve se mistura com a paisagem, deixando-a ainda mais bonita. A medida em que iamos nos aproximando da estaçao de ski, o movimento foi aumentando. Se via muitos carros estacionados a beira da estrada. Fomos seguindo em frente, atè que chegou um ponto onde a rua apertou tanto, perto de bares e lojas, que resolmemos estacionar. No que estacionei e o Andrei desceu do carro, aconteceu um lance muito engraçado, duas filas de carros tentando passar, uma de frente para outra, os primeiros motoristas desceram para tentar entrar em um acordo e decidir qual fila teria que dar rè. Assim que eles se decidiram e que as filas foram desfeitas, resolvemos sair dali e procurar um outro lugar para estacionar, onde nao corressemos o risco de ficar trancados.

No final das contas, estacionamos em lugar bem legal, bem perto de umas rampas onde poderiamos brincar na neve. Ficamos por ali umas duas horas, aproveitamos bem, pricipalmente o Henrique, jà que nao fazemos a minima idèia de quando veremos neve novamente. O Joao Pedro tb aproveitou, andou de Bob Sled de um casal que gentilmente o sedeu para ele brincar, tambèm escorregou, rolou e fussou bastante na neve.



Jà eram mais de 15:30 quando saìmos da montanha. O meu navegador (Andrei) resolveu fazer um outro caminho, e descemos por uma estrada novinha, tanto que nao tinha placas, esta estrada tinha sido toda destruida pela lava na erupçao de 2002. Quando chegamos là emabixo, jà estaria na hora de voltar, mas como estavamos perto, resolvemos visitar Catania. Entramos na cidade sem mapa, o que dificultou um pouco nosso deslocamento, mas como meu navegador tem um excelente senso de direçao, chegamos ao centro da cidade. Paramos ali, para jantar (17h) e dar um passeadinha. Bem no centro, em uma espècie de calçadao, tem umas ruinas romanas. O que aparece em um fosso, è um pedacinho do que foi uma Arena Romana.

Esta arena ou anfeteatro, era pouco menor que o Coliseu de Roma, mas foi destruido por Reis e governates posteriores, a primeira obra que destruiu parte da arena foi para contruir uma Catedral da igraja Catòlica, que està là atè hoje.
Depois desta visao da antiguidade, atravessamos a rua e fomos jantar no MC'Donalds hehehehe
E' que tinhamos uns tikt's de desconto, de uma promoçao que o MC fez para as Olimpiadas de Inverno, como era o ùltimo dia da promoçao e o Henrique adora um MC, unimos o ùtil ao agradàvel.
Nao tao agradàvel foi a volta, pois ao tentarmos sair da cidade, um policial nos deu uma indicaçao errada, foram uns 30min atè que achàssemos a saìda. Depois de um viagem de volta estressante, com placas confusas, pistas em reforma e JP chorando, finalmente chegamos a Palermo. Eram 23h, estavamos exaustos, subimos os 9430943094039488774 degraus de escada e chegamos em casa. Mas ainda que cansados, estavamos felizes, por poder haver conhecido novos lugares e nos divertir em famìlia.
Aqui acabam as postagens sobre nossa aventura no Etna, que vamos levar para sempre, essas lembranças, bem guardadas no coraçao!

martedì, marzo 21, 2006

Taormina


Continuando.......ainda no domingo dia 05/03!

Chegamos à Taormina la pelas 11h da manha, a cidade è um amor!
Deixamos o carro em um estacionamento, pois nao podem circular carros na cidade, e fomos dar uma passeada.
Taormina è uma cidade que fica a pouco mais de 200 m acima do nivel do mar, tem quase 10.000 habitantes e fica em cima de um morro. E' muito bela, tanto vista de longe quanto de perto. A cidade è muito antiga, tem um estilo medieval, em 734 a.C os Gregos estiveram por là, depois, em 220 a.C foi a vez do Impèrio Romano tomar conta da cidade. Os Romanos tiraram os habitantes da cidade e colocaram familias romanas para povoa-la. A cidade è rica em història e jà foi a capital da Sicìlia durante o Impèrio Bizantino que durou atè o século V d.C. Depois disso, os Arabes tambèm colonizaram a cidade, entre outros.
A origem do nome da cidade tem varias versoes, a mais popular e antiga, è a de uma fàbula de Minotauto. O nome original Tauromenium, significa habitaçao do touro, que com o passar dos anos, se transformou em Taormina. Porèm, o mais interessante ou intrigante, è que o brasao da cidade carrega um Centauro...heheheh
O turismo è muito forte em Taormina.
A cidade tem um ar diferente, um ar de "alta classe"! Tudo muito limpo e caprichado, lugar de gente do dinheiro!
(Quando falo tudo limpo, è porque aqui em Palermo temos que caminhar olhando para o chao, para nao pisar no "coco" de cachorro, gato, pombo, etc... espalhados por toda a cidade. Pior è que parece ser padrao, pois atè agora, a ùnica das cidades que conheci aqui na Sicìlia, que nao è assim è Taormina).
Para se ter uma ideia do "status" da cidade, quando chegamos no centro, na praça principal, estava acontecendo um encontro de proprietàrios de carros Porsche! Babamos, com aquele monte de carros e pessoas bonitas.
Passeamos pelas ruas apertadas, como eu ja havia dito, nao da para circular de carro, os Porsche foram uma excessao por causa do evento. Mas nem teria graça passear de carro, pois a beleza està em caminhar olhando o cemercio, as casas, pessoas e paisagens.

Fomos atè as famosas ruinas de um teatro Grego, quer dizer, foi construido pelos gregos mas depois foi reformado pelos Romanos, que fizeram uma obra bem maior.
Muuuuuuuuuuiiiiiiiiiiiiiiiiito lindo, as ruinas, a vista la de cima è impressionante, da para ver o mar, a cidade, o vulcao, a auto estrada, è realmente impressionate! Por foto nao da para ter uma ideia do que è o lugar, sò estando là para ver e sentir a beleza! Foi muito emocionate, poder estar "dentro" da historia. Acho que, qualquer um goste de història, e que nasceu em um paìs com pouco mais de 500 anos, ficaria tao entusiasmado quanto eu! Lindo demais!
Nesta postagem coloquei menos fotos, pois estava dificil escolher, e como nao da para por todas, escolhi duas que "combinam" com o que escrevi.
A primeira mostra a ruela com a fila de Porsche saindo da exposiçao. Na segunda o Henrique esta sentado numa das arquibancadas do Teatro Romano. Escolhi esta foto pois da para ver quase tudo, o palanque e a arquibancada que vai atè a outra ponta formando um U. Da para ver tambèm uma parte da cidade.
Depois de 2 horas, saimos de Taormina e fomos em direçao a parte norte do Etna.

martedì, marzo 14, 2006

Domenica........Nuova Giornata!

Domingo demanha..........................

..... o Joao Pedro, alèm de dormir tarde, resolveu acordar cedo. E bota cedo nisso, 6h da madruga e ele jà estava resmungando! Levantei para fazer a mamadeira, dei de cara com o sol nascendo e refletindo na àgua. A sacada do quarto do hotel, era de frente pro mar, bati umas 10 fotos, muito bonito, eu nunca tinha visto tal paisagem ao vivo! Fiz a mamadeira, os outros dois acordaram, nos arrumamops e fomos tomar cafè da manha no hotel. Depois pegamos as nossas coisas e fomos seguir viagem! Jà eram 9h.
Antes de sair da cidade, demos um giro para conhece-la de dia, pois haviamos chegado a noite.


Pegamos o carro e rodamos um pouco, procuravamos um museu arqueològico, com ruinas Romanas, que a atendente do hotel nos falou. Chegamos atè uma rotula, que parecia ser o "final da praia", tinha uma pracinha e resolvemos parar para ver. Na beira do mar, ao meu lado na foto, tem uma estàtua da Nike, a Deusa do vento, batemos foto , mas achei muito feia (a estatua) e nao quis po-la aqui rs. De onde estou pode se ver Taormina, uma cidade estilo medieval, fica em cima daquele morro ao fundo. Ve-se tb a volta que a orla de Naxus faz, mas o que me chamou mais a atençao, foram essas "pedras" no mar. Na verdade isso è lava, que um dia (sabe-se là quando) chegou atè o mar, aumentando o territòrio Siciliano!


Ainda no mesmo lugar, mas em direçao oposta, a foto em que o Andrei està (ele està de frente pro mar), mostra a praça, o carro que alugamos e, è claro, o Etna ao fundo! Saimos dali e fomos pela orla de Naxus, em direçao a Taormina. No caminho achamos o tal, museu arqueològico, mas como em Taormina pretendiamos visitar outras ruinas e para nao atrasar mais, resolvemos nao entrar. Esta ùltima foto, o Andrei bateu quando passamos novamente perto do hotel, è quase no mesmo lugar que ele bateu outra foto, à noite, e que està na postagem anterior. Esta mostra o Mar Mediterraneo, aos pès da bela montanha vulcanica!

lunedì, marzo 13, 2006

Pizza em Naxos!!!

Depois que saìmos de Refugio Sapienza (Etna), descemos atè o litoral e fomos a Naxos, praia onde tinhamos reservado o hotel!
Depois de umas 3 voltas pela cidade, procurando o tal hotel (confusao a numeraçao das ruas), finalmente chegamos, isso ja eram 19h. Deixamos as coisas no hotel e fomos dar uma volta, para conhecer a praia e jantar. A praia muito agradàvel, com bastante mivimento para a època, a orla toda calçada, com bares e lojas por toda a sua extençao. O ùnico problema è a areia, que sò de ver desanima, pois è muito grossa. Em compensaçao a àgua do mar è limpa e muito transparente!


Resolvemos entrar em uma Pizzaria para jantar, jà que ainda nao tinhamos ido a uma aqui na Itàlia. Nao estava lotada, mas tinha bastante gente. O cardàpio era bem variado, pedimos uma com presunto, funghi, tomates e rùcula, muito gostosa, o Henrique que nao gostou muito e, pra variar, fez um fiasquinho...hehehe Pedimos sò uma, nao era enorme, mas deu pro gasto!
Olha, estamos no "Paìs da Pizza" mas, a pizza brasileira è melhor, eu ja tinha notado isso nas de supermercado, mas queria constatar em uma Pizzaria, dito e feito, a massa e os ingredientes sao melhores, a nossa pizza è bem mais "recheada" , a massa è mais fininha e macia . As do mercado entao, nem se fala, ela tem o diametro de um prato, em cima eles passam, molho de tomate, colocam 4 palitos de queijo e 2 azeitonas, muito sem graça! Ah, outra coisa, rodìzio e pizza doce nao existem aqui, isso è invençao de brasileiro.


Mas nao deixou de ser uma "Pizzaria Italiana", entao tiramos algumas fotos para registrar o momento. O Joao Pedro fez a maior festa, em cada lugar que o botavamos , tinha uma coisa para ele mexer, atè que encontramos um lugar que nao tivesse nada perigoso ao alcance de suas ràpidas e àgeis maozinhas! Botei uma foto de cada, pois assim mostramos a familia e os tres cantos da pizzaria, o quarto canto era parede. Pra variar, todo mundo olhando pra foto, menos eu hehehe, mas nao foi por gosto, foi o Andrei que pegou de surpresa, e foi a que ficou melhorzinha, pois as que eu faço "pose" ficam pèssimas!


Bem , saimos da pizzaria e fomos direto para o hotel, estavamos exaustos. Eu estava louca por uma cama, pois dirigi das 8h às 19h, e no outro dia tinhamos que acordar cedo, para passear mais!Porèm, para o meu desespero, o Joao Pedro nao colaborou, como ele dormiu quase toda a viagem e nao tinha berço, ele pintou e bordou, estava facinado com o "quarto novo", queria mexer em tudo, isso com as luzes apagadas (o Henrique caiu na cama e dormiu). Demorou mais de 2h pra pegar no sono, fomos dormir quase 2h da madrugada, mas, fazer o que neh?!! faz parte da aventura, e se a gente nao viajar com eles junto, nao conhece nada... hehehehehe
Ah, a primeira foto e no caminho entre o hotel e a pizzaria, que fizemos caminhando, muito agradavel, pena que estava frio...... mas o mais interessante de tudo, è que passamos o dia nas montanhas, com neve, e fomos dormir na praia! Acho que isso sò è possìvel aqui na Sicìlia!

venerdì, marzo 10, 2006

Etna Sul

Saimos de Enna e seguimos para o Etna, em direçao ao lado sul do Vulcao.
Quando começamos a subir jà notamos que paisagem mudara.

Tudo muito bonito, diferente e intrigante. Pois as "rochas" que viamos ao longo do caminho, um dia foram lava, que destruiu e contruiu, a paisagem do lugar. Um pouco mais acima a neve começa a aparecer, se misturando com a lava petrificada e dixando a vista ainda mais bonita. O dia estava lindo e, apesar da neve na paisagem, a estrava estava limpa. Sendo assim nao precisamos usar correntes nos pneus. Usar correntes de neve nos pneus è um saco, pois alem de ter que descer do carro para coloca-las, nao pode andar muito ràpido!
Esta primeira foto, mostra bem a paisagem da estrada com o vulcao ao fundo.

Outra coisa interessante da paisagem, sao as casas abandonadas, algumas totalmente queimadas, pois a lava para, mas o fogo continua. Mas, mesmo com o perigo de erupçao ainda se ve casas habitadas.
Chegamos à estaçao de ski, à uma altitude de 1.900m. O lugar se chama Refugio Sapienza, è um lugar agradavel, com algumas lojinhas de souvenir, bares, estaçao de ski e um telefèrico. O telefèrico leva atè 2500m de altitude, e qdo nao tem neve da para contratar um guia e fazer uma trilha atè a cratera principal, que fica à 3.400m de altitude. Nossa intençao era fazer um passeio no telefèrico, mas nao deu, pois recem havia fechado, por causa do vento forte. O Etna tem varias crateras nesta segunda foto da para ver uma delas, a que estava mais proxima de nòs.


Para quem nao sabe, o Etna è o maior vulcao ativo da Europa. A ùltima erupçao (atividade vulcanica) foi em 2005, mas sem maiores estragos, a primeira foi em 1.500 a.c.! Em 1669 aconteceu uma das maiores erupçoes que se tem registro, a lava chegou a Catania no litoral, parando no mar, na ocasiao o fenomeno destruiu parte da cidade matando mais de 20.000 pessoas.
Em 2001 e 2002, duas diferentes erupçoes destruiram boa parte da estrada em que passamos (que foi resconstruida recentemente) e a estaçao de Ski onde estavamos. Da uma sensaçao estranha, um misto de curiosidade e medo.
Hoje as erupçoes nao matam mais ninguem, pois existem sistemas de controle que detectam os abalos sismicos que as antecipam. A lava tambèm nao escorre ràpido, cerca de 2m por hora. Mesmo assim eu nao queria estar por perto hehehehe. Eu nao, mas, tem louco pra tudo!

O Andrei achou na internet uma foto sensacional. Foi na erupçao de 2002, pessoas subiram atè o Refugio Sapienza para ver a lava descer. E è incrivel como os "curiosos" chegam perto dequele horror, so faltavam estar com espetinhos de churrasco assando na lava....hauhauhauhau... gente louca!
Nas fotos que estou com os guris e na foto q està o Andrei, aparecem uma casinhas, essas sao as lojinhas, todas novas, pois foram destruidas em 2002. Quanto tempo mais elas ficarao ali, sò Deus sabe!

giovedì, marzo 09, 2006

Enna

Resolvemos fazer um passeio de final de semana, alugamos um carro e fomos em direçao ao Etna (vulcao).


Saimos de Palermo às 8h da manha de sàbado, dia 04/03. O dia estava bonito e fomos "explorando" o caminho. Depois de quase 2h de viagem avistamos Enna, uma cidade antiga com mais de 2.000 anos de història. A " Provincia Regionali di Enna" fica em cima de um morro, à + ou - 900m acima do nivel do mar, è veramente bella! Resolvemos subir para conhecer!






A cidade è bonita, com contrucoes antigas e ruas apertadas. Foi uma confusao, entravamos em ruas sem saìdas, rodamos um monte atè achar o centro da cidade. Nesta foto do Andrei com os guris, da pra ver uma contruçao estilo castelo atraz, estamos no lado de um penhasco, a cidade è toda murada, muito legal! Na foto que eu estou com os guris, aperece uma igreja no fundo, entramos nela, è linda por dentro, uma das mais bonitas que eu ja entrei! Na outra foto, da pra ver a auto estrada que da acesso a cidade, demais! Ficamos + ou menos uma hora em Enna, depois seguimos nossa viagem. Esta nossa viagem foi tao boa que vou conta- la aos poucos, e por fotos dos lugares legais que conhecemos!


mercoledì, marzo 08, 2006

Dia Internacional da Mulher !?!?


O Dia Internacinal da Mulher è comorado pela ONU em 8 de março, desde 1975.
Esta data foi escolhida por causa de uma tràgèdia ocorrida em 8 de março de 1857. Neste dia, operàrias de uma fàbrica têxtil em Nova Iorque (EUA), entraram em greve para reivindicarem a redução de horário, de mais de 16 horas por dia para 10 horas. E aumento de salàrio, pois recebiam menos de um terço do salário dos homens. Elas ocuparam a fàbrica e foram fechadas la dentro, onde se declarara um incêndio, e cerca de 130 mulheres morreram queimadas.

A luta das mulheres por seus "direitos"continua até hoje! Mas para que exatamente? Acho que cada um (homem e mulher) , tem sua parte a cumprir com a sociedade e um depende do outro. Também nao sou, nem um pouco, feminista. Defendo a igualdade de direitos, dentro das reais possibilades humanas, pois somos diferentes! Queremos ser respeitadas, assim como devemos respeitar o homens, temos diferentes papeis , pensamos e agimos diferente, é genético!
Defendo os direitos iguais, porèm nao podemos deixar de lado as diferenças, que existem e sao nescessarias, nao vou cita-las, pois as conhecemos muito bem!

Vai me dizer que mulher nao gosta de ser bajulada! Pedimos direitos iguais, para engenheiros (homens e mulheres) ganharem o mesmo salário, nunca ouvi pedirem para peoes de obra (homens e mulheres), mesmo porque nao existem mulheres que trabalham em obras e se existem sao muito raras. A mulher é, na maoiria das vezes, delicada e não tem físico para este tipo de trabalho, assim como homens nao tem jeito para certos serviços. O que justo è ganhar mais quem rende mais, ou faz melhor seu trabalho, independente de ser homem, mulher, ter 20 ou 60 anos, ser gordo ou magro, etc, etc, etc....! E se os homens pedissem "direitos iguais", teriamos que puxar a cadeira para eles sentarem no restaurante, ou pagar a conta por exemplo, muitas mulheres esquecem dos "direitos iguais" nessas horas.....hehehe
Nao estou dizendo que as mulheres nao pegam no pesado, existem muitas que trabalham muito mais que alguns homens, na roça elas trabalham mano a mano com os homens. Sem falar da jornada dupla de algumas.

Acho que temos direito ao repeito mutuo e de buscar a felicidade, que pode ter sentido diferente para cada ser humano! Devemos lutar pelos direitos humanos, independente de sexo, etnia, religiao, etc.! E nao reivindicar somente aquilo que nos é conveniente, pois assim cada um puxa a sardinha para o seu prato!

Feliz Dia da Mulher, pricipalmente para aquelas que lutam sozinhas, sem um "homem" para ajuda-las a educar, alimentar e vestir seus filhos. Assim como tem muitas que prefeririam estar sozinhas, pois o "traste" sò atrapalha. Também tem muita mulher que nao vale nada, abandona seus filhos e sua casa..... cada caso è um caso! O que temos que entender é que os nossos filhos precisam dos dois, independentemente de serem casados ou nao! Acho que devemos ensinar nossos filhos alguns valores que foram se perdendo durante o passar dos anos. Mostrar para eles que as diferenças existem e que temos que respeita-las. Ensina-los que, è legal e preciso ser diferente, que seria muito chato se tudo e todos fossem iguais!

Quero deixar aqui um abraço a todas as mulheres, principalmente as de minha familia que tem mais mulheres que homens! Para minha mae que amo muito e que me ensinou a ser mulher e a respeitar a todos. Minhas irmas, tias, primas, sobrinha, afilhadas e comadres. Para minha sogra, pois alem de me conceder a mao de seu filho (hehehehehe), me trata como se eu fosse sua filha, e eu me sinto como tal. Para avò do Andrei, a ùnica bisa que meus filhotes estao tendo o privilègio de conhecer! O Henrique chegou a conhecer a trisa, minha bisa, ela era uma figura! As minhas 2 avòs, que ja nao estao mais entre nòs, elas foram mulheres de garra e essenciais para o bom desenvolvimento da familia. A todas as minhas amigas e conhecidas! E finalmente a todas as mulheres que gostam de ser e valorizam o que sao!

Exerçam seu papel na sociadade, mas sem esquecerem de serem sempre "MULHERES"! E deixem os homens serem HOMENS, nos gostamos e precisamos disto!

E aos homens, um conselho, aprendam mais sobre as mulheres!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...