Translate

domenica, aprile 30, 2006

Dia Internacional do Trabalho

Amanha, dia primeiro de maio, comemora-se o Dia Internacional do Trabalho, coloquei um mùsica do Legiao Urbana que tem tudo a ver com o trabalho e os trabalhadores. A letra mesmo com 10 anos, parece bem atual. Como cantava o Leo Jaime, ....Ô, ô, ô, ô, nada mudou!









Bom feriado a todos!

Música de Trabalho
Legião Urbana
Albùm Tempestade, 1996

Sem trabalho eu não sou nada
Não tenho dignidade
Não sinto o meu valor
Não tenho identidade
Mas o que eu tenho
É só um emprego
E um salário miserável
Eu tenho o meu ofício
Que me cansa de verdade
Tem gente que não tem nada
E outros que tem mais do que precisam
Tem gente que não quer saber de trabalhar
Mas quando chega o fim do dia
Eu só penso em descansar
E voltar p'rá casa pros teus braços
Quem sabe esquecer um pouco
De todo o meu cansaço
Nossa vida não é boa
E nem podemos reclamar
Sei que existe injustiça
Eu sei o que acontece
Tenho medo da polícia
Eu sei o que acontece
Se você não segue as ordens
Se você não obedece
E não suporta o sofrimento
Está destinado a miséria


Mas isso eu não aceito
Eu sei o que acontece
Mas isso eu não aceito
Eu sei o que acontece
E quando chega o fim do dia
Eu só penso em descansar
E voltar p'rá casa pros teus braços
Quem sabe esquecer um pouco
Do pouco que não temos
Quem sabe esquecer um pouco
De tudo que não sabemos

(Letra: Renato Russo
Música: Dado Villa-Lobos/Renato Russo/Marcelo Bonfá)

martedì, aprile 25, 2006

Festa Della Libertazione

Hoje 25 de abril, è feriado aqui na Itàlia. Festa da Libertaçao! Dia em que os italianos comemoram a libertaçao da Italia, do regime ditador e nazista de Mussolini e Hitler. Forças revolucionàrias republicanas, capturaram e executaram Mussolin (28/04/45), livrando a Italia do fascismo e pondo-a definitivamente ao lado dos "aliados" contra a Alemanha. Pena que foi tarde pois a guerra estava por terminar. Mesmo estando quase atè o final da gerra ao lado dos nazistas, a Itàlia, nao ficou com a mà fama que a Alemanha carrega atè hoje, porque?


Coloquei esta foto, pois estamos em um lugar interessante e que tem a ver com a segunda guerra. Este parque, que è muito bonito e fica na beira do mar, ao lado do porto de Palermo. Mas antes de ser transformado em parque (inaugurado em 2005), foi o local onde os Palermitanos jogavam os lixos e destroços pòs guerra, o mar chegou a recuar uns 300m por causa dos destroços. Por ser uma ilha, a Sicìlia, foi a porta de entrada da Italia para os aliados, imaginem como ficou essa regiao, que è portuària. O tempo passou e o hàbito continuou, alìas, jogar sujeira por aì è uma cultura comum aqui, as ruas sao um nojo, cheia de papeis, garrafas, cigarro, etc, um pecado. (Na postagem Pandorga! aqui no blog tem outras fotos, que mostram bem o parque).

Bem, o que quero dizer, è que a poucos anos atraz, este belo parque era um lixao, nem consigo imaginar como era. Espero que dure, pois nao tem 1 ano e jà tem muita coisa quebrada. Sei que, como nao vimos de perto uma guerra como esta, nao temos como imaginar a dimensao do estrago que ela causa, na cabeça e na cultura das pessoas. Porem outros paìses tb foram atingidos como a Italia foi ou mais, e pelos relatos que tenho de quem os conhece nao existe essa imundice que tem aqui. Nem no Brasil (que eu conheço), que nao è nunhum brilho, vi tanta sujeira.

Mas como a segunda-guerra è cheia de històrias e mistèrios, vou parar por aqui antes que esse post vire um livro rs. Boa Festa aos italianos, que adoram um feriado! E olha que eu pensei que o Brasil fosse o paìs "campeao" dos feriadoes, mas estou mudando de ideia! Na Pascoa o Henrique nao teve aula por 10 dias de 8 a 18 de abril. Ontem 24 tb nao teve aula, nem na universidade, pois hoje è feriado.

Bene, buona Festa Della Libertazione. Afinal o fim de uma gerra deve mesmo ser comemorada! Acho que em Portugal e em mais alguns paìses europeus tambèm è feriado hoje, ou por esses dias, mas nao tenho certeza.

Lenise.

sabato, aprile 22, 2006

Descobrimento do Brasil

Como diz a marchinha: "...quem foi que descobriu o Brasil?, foi seu Cabral, foi seu Cabral, no dia 22 de abril, 2 meses depois do carnaval....." rsrs

Ao errar o caminho para as Indias, em 22 de abril de 1500 chegavam ao Brasil 13 caravelas portuguesas, lideradas por Pedro Álvares Cabral. A primeira vista, eles acreditavam tratar-se de um grande monte, e chamaram-no de Monte Pascoal. Apòs Cabral deu-lhe o nome de Ilha de Vera Cruz, pois nao sabia se a terra se trava de uma ilha ou continente. Após exploração realizada por outras expedições portuguesas, foi descoberto tratar-se realmente de um continente, e novamente o nome foi alterado. A nova terra passou a ser chamada de Terra de Santa Cruz. Somente depois da descoberta do pau-brasil, ocorrida no ano de 1511, nosso país passou a ser chamado pelo nome que conhecemos hoje: Brasil.

De 1500 a 1530, periodo chamado de Pau-brasil, Portugal se limitou a fazer o chamado escambo (cambio, troca, permuta), com os ìndios. Os ìndios extraiam a madeira e entregavam aos portugueses em troca de espelhinhos e outras bujigangas sem valor. A madeira, enviada a Portugal, era usada para fabricaçao de tinta vermelha e comercializada em toda a Europa. Foi somente a partir de 1530, com a expedição organizada por Martin Afonso de Souza, que a coroa portuguesa começou a interessar-se pela colonização da nova terra. Navegadores e piratas, holandeses, franceses e ingleses, estavam praticando a retirada ilegal de madeira de nossas matas (como se a extraçao portuguesa fosse "legal"...rs). A colonização seria uma das formas de ocupar e proteger o território. Para tanto, os portugueses começaram a fazer experiências com o plantio da cana-de-açúcar, visando um promissor comércio desta mercadoria na Europa.



Pelo meu texto, pode atè parecer que tenho alguma coisa contra Portugal, mas nao è verdade. Admiro os portugueses e tenho orgulho da lingua que eles nos ensinaram. E se Deus quiser, um dia irei conhecer a terra de nossos patricios. Ah tambèm è a segunda seleçao para qual vou torcer na Copa.

As fotos sao do meu cunhado Julian, que esteve em Porto Seguro no final de março deste ano. A primeira foto è uma rèplica em tamanho original da caravela de Pedro Alvares Cabral. A segunda è o local onde foi realizado a primeita missa,em terras brasileiras, no dia 26 de abril de 1500. A Cruz, antes de madeira, foi substituida por uma de concreto e està no local desde o dia realizaçao da missa.

Parabèns meu Brasil, pelos 506 anos do seu descobrimento!
Com orgulho em ser Brasileira, Lenise.


venerdì, aprile 21, 2006

Tiradentes


Joaquim Josè da Silva Xavier, o Tiradentes!

Considerado um grande lutador pela independência do nosso país. Nasceu na Fazenda do Pombal em 1746, onde fica hoje a cidade de Tiradentes, Minas Gerais. Ficou órfão aos 11 anos. Morou com seu tio (dentista) que lhe ensinou a arte que o deixou conhecido, dai vem o apelido de Tiradendes. A habilidade com que arrancava e colocava novos dentes feitos por ele mesmo, era uma arte. Sobre sua vida militar, sabe-se que pertenceu ao Regimento de Dragões de Minas Gerais. Tiaradentes foi lider da Inconfidencia Mineira. Revoluçao que luatava para livrar o Brasil-Colonia do dominio Portugues, que cobrava impostos absurdos, entre outras exploraçoes.

Suas ideias e ousadia lhe custaram a vida. Tiradentes foi enforcado(aos 46 anos) pela coroa Portuguesa. Fato ocorrido no dia 21 de abril de 1792, no Rio de Janeiro. Seu corpo foi esquartejado, sua cabeça foi erguida em um poste em Vila Rica (hoje a belìssima cidade de Ouro Preto, Minas Gerais) , arrasaram a casa em que morava e declararam infames os seus descendentes.

Dia 21 de abril è feriado nacional, uma homenagem a um homem que lutou por seus ideais, pelo seu paìs e nao se deixou corromper. O que nao foi o caso do coronel Joaquim Silvério dos Reis (xarà de Tiradentes), que se fingia amigo e companheiro, traiu-os, denunciando o movimento ao governador. Este sim deveria ter seus descendentes "infamados".

Uma pena que nao existam mais Tiradentes, Frei Caneca, entre outros. Que lutavam pela dignidade do povo, mesmo em època de repressao, sem o povo precisar escolhe-los. Hoje o povo elege o seu "Joaquim" , esperando que ele seja um "da Silva Xavier" mas a grande maioria è "Silverio dos reis".

Bom Feriado aos Brasileiros, que Deus nos proteja!

Aqui na Italia, dia normal!

mercoledì, aprile 19, 2006

Dia do Indio

Hoje è o Dia do Indio!

Com certeza hoje serà o dia que ìndios irao ao Palàcio, colocar um cocar na cabeça do presidente (como se ja nao tivesse indiada suficiente por là).
Os indios serao homenagiados em toda a Amèrica. Nas escolas, crianças pintarao as caras e irao colorir dezenhos. Os jornais mostrarao nùmeros, instituiçoes que ajudam os ìndios, ìndios que deixaram suas tribos, para viver no meio dos "brancos", etc... Tudo muito bonito, muito interessante mas muito superficial. Pois sò lembramos dos ìndios no dia 19 de abril (inclusive eu), salvo aqueles que realmente lutam pela causa dos nossos nativos.
Os Indios, para o governo, sao apenas um "museu" vivo, que deve ser conservado, para representar a historia do paìs (quando for conveniente. Continuam entao os coitados, sendo usados como moeda de troca. Um pouco menos explicita, mas nao menos desumana. Tambèm nao sou defensora da causa, e nem tao pouco quero devolver as terras aos indios. Sò estou refletindo um pouco sobre o real sentido deste dia. Dia de hipocrisia, em que todos fazemos a nossa parte (homenagens), para em tese, amenizar o sofrimento indigena, e lembrar o seu valor històrico............ serà?
Segue abaixo a letra da mùsica de Jorge Ben Jor . Ele compos a mùsica nos anos 70. A mùsica se chama "Curumim Chama Cunhatã Que Eu Vou Contar", mais conhecida como (Todo Dia Era Dia De Índio). Curumim e Cunhatã sao nomes de tribos indìgenas brasileiras.

Curumim Chama Cunhatã Que Eu Vou Contar (Todo Dia Era Dia De Índio)

Curumim chama cunhatã que eu vou contar;
Antes que os homens aqui pisassem;
Nas ricas e férteis terraes brazilis;
Que eram povoadas e amadas;
Amadas por milhões de índios;
Reais donos felizes;
Da terra do pau Brasil;
Pois todo dia e toda hora era dia de índio;
Mas agora eles só têm um dia;
Um dia dezenove de abril;
Amantes da pureza e da natureza;
Eles são de verdade incapazes;
De maltratarem as femeas;
Ou de poluir o rio, o céu e o marProtegendo o equilíbrio ecológico;
Da terra, fauna e flora pois na sua história;
O índio é o exemplo mais puro;
Mais perfeito mais belo;
Junto da harmonia da fraternidade;
E da alegria, da alegria de viver;
Da alegria de amar;
Mas no entanto agora;
O seu canto de guerra;
É um choro de uma raça inocente;
Que já foi muito contente;
Pois antigamente;
Todo dia era dia de índio.

Na foto representando os ìndios brasileiros, o carismàtico
Papa-Capim, personagem de Maurìcio de Sousa!

Pàscoa e Jogo do Palermo


Este feriado foi mesmo divertido. No sàbado, recebemos a visita da belìssima e simpaticìssima Andreia (na foto com o Henrique) . A Dèia è uma carioca que mora em Lecce a 4 anos, nos conhecemos pela internet. Foi um sàbado diferente, pois tinha jogo do Palermo contra a Roma, tinhamos combinado de ir toda a familia, mais a Dèia, que tb è torcedora do Palermo. Porèm o JP estava meio gripado e nao seria uma boa leva-lo ao estàdio. Entao, como seria praticamente a ùltima oportunidade de eu assistir um jogo aqui na Itàlia, resolvemos que o Andrei ficaria com o JP em casa. Fomos ao jogo eu o Henrique e a Dèia. Jà na ida, pegamos um onibus cheio de torcedores da Roma, fazendo a maior festa, mas na paz. Foi atè divertido! O jogo no primeiro tempo foi nervoso, pois a Roma fez 3 x 0. Mas no segundo o Palermo empatou e por pouco nao virou, deixando a partida muito emocionante e aliviando a minha fama de pè-frio!
No outro dia, Pàscoa, foi traquilo. O Henrique acordou às 7h da manha para procurar os ovos e ficou felicìssimo, com a generosidade do coelhinho, para com ele e toda a famìlia! O JP, nao da bola para chocolates (ele come, mas ainda nao sabe o que significa), entao ganhou um brinquedo e o ovo, que ele ganhou, tb virou brinquedo hehehe.
Foi realmente um òtimo feriado, aqui o feriado foi na segunda e nao na sexta. Na segunda è o dia em que os italianos comemoram a "Pasqueta", dia que termina a quaresma e eles podem voltar a comer carne. As famìlias se reunem neste dia para fazer uma almoço com muita carne e festa!

lunedì, aprile 10, 2006

Aniversàrio do Internacional


Semana passada, o Inter completou 97 anos.
Deixei para fazer esta homenagem depois da final do Camponato Gaucho, pois pensei que serìamos Pentacapeos (era o mais provàvel). Nao deu, fazer o que? Mas a homenagem nao poderia deixar de sair.

No dia 04 de abril de 1909, nascia o Sport Club Internacional. O clube foi fundado pelos irmaos paulistas, Henrique, Josè e Luiz Poppe. Os irmaos que chegaram a Porto Alegre-RS em 1908, para abrirem uma loja de roupas. Eles foram regeitados pelos cubes gaùchos (entre eles o nosso maior rival, Gremio) ao tentarem frequenta-los. Indignados, resolveram montar seu proprio clube. A polìtica democràtica do clube, que aceitava sòcios brasileiros e extrageiros, diferente dos outros clubes do RS, logo caiu na graça do povo que começou a apoia-los. Os jogadores eram basicamente estudantes e trabalhadores do comèrcio. Assim a cada jogo a torcida aumentava e o Internacional foi tornando-se grande!
O nome Internacional, foi escolhido por ter tudo a ver com o clube e com os irmaos. Os pais dos Poppes vieram de Milao, Italia, e torciam para a Internazionale; O clube aceitaria estrangeiros, entao era internacional; Os irmaos torciam, em Sao Paulo, para o hoje extinto Sport clube Internacional, e que havia sido campeao estadual (paulista) em 1907.
O hino oficial do clube "Celeiro de Asis" , foi criado por Nelson Silva em 1957, em um dia que, ele esqueceu um compromisso com a sua namorada para ver o Colorado jogar.
Tambèm o Saci (mascote do Inter), foi criado na decada de 50 por uma jornal que elegeu o clube como, clube do povo mostrando a figura de um negrinho o que, mais tarde virou o Saci. Nos anos 50 tambèm começou a ser construido o Beira Rio, estàdio do Inter.
O Gigante da Beira Rio, è um dos melhores e mairoes estàdios do Brasil, sua capacidade hoje è para 56mil pessoas. O Beira Rio foi inaugurado no dia 6 de abril de 1969 e o jogo inaugural foi contra o Benfica(portugal) com um placar de: Internacional 2 x 1 Benfica.

Sou catarinense e colorada de nascimento. Meu avo materno, o Sr. Taurino Enoch da Silva, que nasceu 1 ano depois do Inter, foi o mais fanàtico colorado que eu conheci, antes do meu marido è claro! O meu avo, quando o Inter perdia, jogava o ràdio longe. Nunca vi o Andrei fazer isso com o ràdio, mas jà o vi com vontade...hehehhe. A camisa do inter era a roupa do dia a dia de meu avo, mesmo em dias de frio ele usava uma por baixo! Meu pai se tornou colorado (era vascaino)para agradar o sogro, ele torce para os 2 times atè hoje, sendo o Inter o principal.
Sendo eu e o Andrei colorados por herança, pois o avo materno dele (o Sr. Eri zwetsch) tambèm era muito colorado, assim como toda a sua familia. Nossos filhos Henrique e Joao Pedro, jà nasceram e colorados. Nos orgulhamos de ser torcedores de um clube que nunca caiu para a segunda divisao! Mesmo nos momentos de crise, sempre nos mantivemos na elite do futebol nacional.
Desde 1913 que o time vem conquistando titulos, entre eles està o Tricampeonato Brasileiro invicto em 1979. E nosso Tetra nos foi roubado descaradamente em 2005 (fomos vice no brasileiro).
Infelizmente este ano, deixamos de ser Penta Campeos Gaùchos. Mas o verdadeiro objetivo do Inter em 2006 è conquistar a Libertadores da Amèrica e quem sabe de lambuja o Brasileirao!
Força Colorado!
Parabèns pelos seus 97 anos de gloria!
INTERNACIONAL, ORGULHO DO BRASIL!


"GIGANTE DA BEIRA RIO, Porto Alegre - RS, Brasil"

Obs.: Esqueci de mencionar que meu avo, era tao colorado que fundou, junto com outros amigos colorados, um time de futebol. O time que existe atè hoje, se chama Sport Clob Internacional da Urussanguinha. Urussanguinha è o bairro onde vivem meus pais, na cidade de Araranguà - SC. O Inter da Suranga, como è chamado, disputa campeonatos regionais e sua sede è um bar, que enche de colorados em dia de Jogos para assistir ao Inter de Porto Alegre.

giovedì, aprile 06, 2006

Desabafo!

Desde a noite do dia 01/04, em que soube da morte do pequeno Tommy, que nao consigo dormir direito. Tenho que pensar em outras coisas para que a imagem do menino saia da minha cabeça!
Nao queria escreve isso no blog, pois o fiz para contar alegrias. Hoje eu nao aguentei, meu coraçao de mae està triste e me pede um desabafo!
Nao vinha assistindo jornais, nem lendo, para ver se conseguia esquecer, ou nao lembrar! Pois a Italia chora, chocada com o ocorrido! Mas hoje foi visitar um site italiano de receitas e me deparei com uma homenagem ao menino!

http://spaces.msn.com/cucinadeliziosa/blog/cns!15F9AC6F4D333084!3446.entry

Me fui aos prantos, chorei muito, ao ver a foto do menino indefeso! O Joao Pedro, me olhava sem saber o que estava acontecendo, entao o peguei no colo e o abracei, chorando, ele me abraçou como que me consolando, ele paracia intender que eu estava triste! O menino tinha extamente a idade do JP, 18 meses..... isso me deixa ainda pior!
Penso na dor dos pais, que o procuraram por um mes inteiro, na esperança de te-lo denovo nos braços!
E' muito triste, a que ponto chega a crueldade humana, onde vamos parar!
Sò pesso a Deus que proteja meus filhos, acho que è isso que toda mae faz antes de dormir! Desejo que Deus ouça a prece de todas, e de alguma maneira conforte o coraçao desta pobre mae, que teve seu bebe assassinado!
Esteja com Deus Tommy!

mercoledì, aprile 05, 2006

Feijoada, Samba, Chimarrao.....


Estavamos a tempo prometendo uma feijoada para alguns colegas do Andrei. No domingo cumprimos a promessa, o Andrei chamou 3 colegas da universidade para comer a tal feijoada. Nem eu nem o Andrei jà tinhamos feito feijoada na vida, entao entramos no maravilhoso mundo da internet (Google), para pegar a receita e ver como substituir as carnes brasileiras pelas as italianas. No sàbado, pela manha, saìmos para comprar as coisas, inclusive o feijao. Fomos ao mercado (nao supermercado, uma espècie de feira). Uma coisa muito engraçada que aconteceu, foi quando chegamos em uma das bancas para comprar cebolinha verde, o Andrei pegou o molho de cebolinha e deu para o vendedor embalar, como no molho a cebolinha estava com raiz e tudo, o vendedor pegou uma faca e perguntou se queriamos que ele cortasse, eu disse que sim. Ele cortou, jogou a parte verde fora e nos deu a raiz...hehehehehe.... na hora saiu um nnaaaaaaaaaaaooooo! hehehhe, mas o cara foi gente boa nos deu outro molho! Aqui eles usam a cebolinha (raiz) nao a parte verde como no Brasil, que confronto cultural rsrsrsrs!
Encontramos boas carnes substitutas, menos pè, orlelha de porco, etc...
Ainda no sàbado fizemos a sobremesa, uma Ambrosia (outra coisa que nunca tinhamos feito) hehe.
No domingo acordamos cedo, decoramos a casa com bandeiras do Brasil, RS e Inter, e esperamos os convidados chegarem com a panela! Enquanto esperavamos, o Andrei colocou umas mùsicas gaudèrias e tomamos um chimarrao, depois que eles chegaram entram na roda do mate! Depois de saturado o mate, com o feijao ainda no fogo, mamos a mùsica e a bebida. Fiz uma bela caipirinha, enquando ouviamos forrò e samba!
A feijoada ficou pronta e muito boa, acho que eles gostaram pois repetiram! Eles nao estao acostumados a comer feijao, muito menos com arroz, è sò massa, massa, massa ou pasta como eles chamam! Comemos assistindo ao jogo do Palermo, como sempre, os jogos sao uma boa desculpa para enchermos a pança!



No meio do preparo, nossa vizinha de porta, veio nos trazer um pouco de vinho caseiro, eu mostrei a feijoada no fogo para ela, ela fez uma cara estranha, e disse que eu tinha que fazer separado, as carnes do feijao, depois misturar o arroz no feijao. Que eu tinha que fazer a carne ao sugo (molho de tomate). Hehehe a italiana queria me ensinar a fazer feijoada, ta certo que eu nunca tinha feito, mas sei muito bem como è, acho que ela nao entendeu que era um prato tipico! Depois eu levei um pouco para ela provar, nao sei se ela comeu...rsrsrs Obs. ela è uma òtima vizinha!
Depois de muita comilança, servimos a ambrosia, que nao fez muito sucesso, pois ninguèm aguentava mais comer, ainda mais um doce melado e com muitos ovos (melhor assim, ou eles iriam nos processar, por atentado ao estomago.....hihihihi)!



Para completar, o casal que nao pode vir para o almoço, chegou e nos trouxe um prato de doces Sicilianos, que sao espetaculares! Mas nem foram tocados!
Eles troueram ovos de Pascoa para os guris. Eu dei o ovo do JP fechado, para ele brincar, quando vi ele havia aberto e ja estava comendo o chocolate! Eta gurizinho habilidoso, o do Henrique eu tive que abrir, pois ele nao teve paciencia...hehehe
No mais, foi um excelente domingo, em que comemos, bebemos e contamos um pouco do nosso Brasil, falando italianes! Bela confraternização!


.............. A cara do Joao Pedro diz tudo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...